Ballet do SESI Itaperuna comemora 15 anos com espetáculo

33
- Publicidade -

O Teatro Sesi de Itaperuna encerra a programação do ano com o espetáculo de dança Jóias. A montagem também comemora os 15 anos do grupo de ballet do teatro, formado pelas turmas do Curso de Formação Cultural.

“Jóias” é uma história lúdica sobre como uma pedra bruta pode se tornar a gema mais preciosa. Safira, ametista, brilhante, esmeralda, rubi ou pérola: essas joias representam como o ser humano pode ser lapidado pela arte, adquirindo brilho próprio, graça, sutileza e grande valor através da disciplina e da superação.

As coreografias são de Cecília Jannotti, Lina Nacif e Simone Carvalho. Já os figurinos foram assinados por Andrea Giarola. A montagem conta ainda com a participação dos bailarinos convidados: Luíz Fernando Theodoro Pimentel e Elias Meireles Martins, ambos da Le Bec Fin, Dança e Movimento – Santo Antônio de Pádua-RJ, e do ator convidado, João Marins da Cia Arte & Conflito.

Em uma década e meia, o  Ballet do SESI Itaperuna realizou 15 montagens com mais de 30 apresentações, variando do Ballet de repertório, como “O Lago dos Cisnes” em 2007, “O Quebra Nozes” em 2008, “Coppélia” em 2006, às montagens próprias como “O Vento” em 2010, “Valsas” em 2015, “Movimentos” em 2013. Também foram apresentadas releituras de clássicos como “Romeu & Julieta”, 2014, e “Uma História Maluquinha” ,2016, inspirando na obra de Ziraldo, “O Menino Maluquinho”. Além das apresentações no Teatro SESI Itaperuna, o Ballet é destaque nos festivais de dança dos quais participa, sempre alcançando ótimos resultados. As aulas de ballet no SESI, acontecem  de março a dezembro de segunda a quinta com várias turmas para crianças, jovens e adultos.

O espetáculo Jóias acontece  nos dias 08, 09 e 10/12, sempre às 20h. Os ingressos  podem ser adquiridos a R$ 30 ( inteira) e R$ 15 ( meia). O Teatro SESI Itaperuna está localizado à Av. Deputado José de Cerqueira Garcia, número 883, bairro Presidente Costa e Silva. Os ingressos já estão à venda. Pessoas com mais de 60 anos, estudantes, deficientes físicos e associados ao SESI pagam meia-entrada.

Da redação do JBN com Ascom